União Zoófila e Associação Zoófila Portuguesa


TORNE-SE SÓCIO; ADOPTE OU APADRINHE UM ANIMAL; FAÇA VOLUNTARIADO!ESCOLHA...UM PEQUENO GESTO FAZ TODA A DIFERENÇA!

Vancouver Olympic Shame: Learn more. Por favor AJUDE a cessar este massacre infame! Please HELP stopping this nounsense slaughter! SIGN

http://www.kintera.org/c.nvI0IgN0JwE/b.2610611/k.CB6C/Save_the_Seals_Take_Action_to_End_the_Seal_Hunt/siteapps/advocacy/ActionItem.aspx

http://getactive.peta.org/campaign/seal_hunt_09?c=posecaal09&source=poshecal09

Ser Enfermeiro...

Monday, June 25, 2007

Batalha de Nuremberga

"It's war. I win and they die, not to be taken literally of course!" – Eric Abidal

Há precisamente um ano, Portugal e Holanda encontraram-se nos Oitavos - de - final do Alemanha 06. Foi o mais indisciplinado jogo da história dos Campeonatos do Mundo de futebol, com 16 cartões amarelos e 4 vermelhos, tendo ficado conhecido como a "Batalha de Nuremberga". Relembro a entrada do Boulahrouz sobre o C. Ronaldo e a do Nuno Valente sobre o Robben (o jogo já tinha parado por fora de jogo e nem amarelo levou!).

Stats:

Arena: Frankenstadion, Nuremberg Attendance: 41,000

Possession : Portugal 38% Netherlands 62%
Shots on Target : Portugal 6 Netherlands 8
Shots off Target: Portugal 4 Netherlands 14
Offside : Portugal 4 Netherlands 2
Fouls : Portugal 10 Netherlands 15
Corners : Portugal 3 Netherlands 5
Freekicks : Portugal 16 Netherlands 13


Bookings:
Mark Van Bommel (Netherlands) 2'
Khalid Boulahrouz (Netherlands) 7'
Nuno Maniche (Portugal) 20'
Francisco Costinha (Portugal) 31'
Francisco Costinha (Portugal) 47'
Armando Petit (Portugal) 50'
Giovanni Van Bronckhorst (Netherlands) 59'
Luis Figo (Portugal) 60'
Khalid Boulahrouz (Netherlands) 63'
Anderson Deco (Portugal) 73'
Wesley Sneijder (Netherlands) 73'
Rafael Van der Vaart (Netherlands) 74'
Alexandre Ricardo (Portugal) 76'
Jorge Nuno Valente (Portugal) 76'
Anderson Deco (Portugal) 78'
Giovanni Van Bronckhorst (Netherlands) 95'


Sent offs:
Francisco Costinha (Portugal) 47'
Khalid Boulahrouz (Netherlands) 63'
Anderson Deco (Portugal) 78'
Giovanni Van Bronckhorst (Netherlands) 95'

Referee: Valentin Ivanov (Russia)
Man of the Match: Nuno Maniche (Portugal)

fonte:http://www.tv.com/fifa-world-cup-germany-2006/round-of-16-portugal-vs.-netherlands/episode/801224/summary.html


p.s: em relação ao "match stats", no que se refere às faltas, o indivíduo que fez isto, a quem agradeço pela obra, não deve ter visto quem as fez mais e que Portugal esteve grande parte do jogo com -1 jogador..

Imprensa internacional:
"Laranja perdeu a batalha" - De Telegraaf, referindo-se à derrota da Holanda num jogo que acabou por ser um "duelo".

Este jornal, tal como os restantes, destaca os 16 cartões amarelos e os quatro vermelhos mostrados pelo árbitro russo, que fez com que a partida terminasse com nove jogadores para cada lado.

Outro diário holandês, de Volkskrant, refere-se à luta invulgar que ditou a vitória de Portugal, com um golo de Maniche, acrescentando que os jogadores das duas equipas "perderam completamente o auto-controlo".

O jornal inglês Guardian salienta que a Holanda saiu "azeda" de um jogo que terminou com quatro cartões vermelhos e que os treinadores das duas equipas não se cumprimentaram, pelo menos dentro do campo.

A edição on-line da BBC-sport diz que Portugal conseguiu um lugar para os quartos-de-final, onde irá defrontar a selecção inglesa. O jornal frisa que a selecção lusa bateu a Holanda num "encontro tempestuoso".

"Recorde de expulsões marca classificação de Portugal" escreve a Folha de São Paulo, no seu serviço on-line, onde acrescenta que foi uma partida "histórica e violenta".

O jornal brasileiro adianta também que o presidente da FIFA atribuiu um cartão amarelo ao árbitro da partida, o russo Valentin Ivanov, por não ter conseguido travar a violência em campo.

Quanto aos jornais espanhóis, o ABC titula "Portugal saiu vitorioso da batalha de Nuremberga frente à Holanda".

O jornal afirma que foi um encontro que se tornou violento após o intervalo e que Portugal ganhou por ter mais experiência para controlar situações imprevistas.

O El Mundo salienta uma afirmação do seleccionador português no final da partida: "Scolari disse que foi [uma partida] parecida com uma guerra".

O jornal frisa ainda que os jogadores portugueses se mostraram felizes e optimistas com o apuramento para os quartos-de-final e que Luís Figo considera que o carácter demonstrado pela equipa permite sonhar com uma vitória na final.

Uma "partida vibrante", com muitas "acções violentas por parte de ambas as equipas" é como o El Pais caracteriza o jogo.

"Frente à Holanda, Portugal arrancou a sua qualificação sobre uma chuva de cartões", titula o Le Monde, que salienta ainda que nunca nenhum jogo de um Mundial de Futebol terminou com tantos cartões mostrados.

Este diário salienta a "solidariedade total dos jogadores [portugueses] ao longo de toda a partida", permitindo que tivessem conseguido a vitória, apesar de ter jogado, por dois períodos, com menos jogadores em campo.

Copiado de:http://www.mundopt.com/n-imprensa-internacional-destaca-batalha-de-nuremberga-9254.html

1 comment:

Tevez said...

GRANDA GAME MAN !

LINDO...

Os holandeses andam lixados connosco, os ingleses, os belgas...loool

andamos uns bad boys