União Zoófila e Associação Zoófila Portuguesa


TORNE-SE SÓCIO; ADOPTE OU APADRINHE UM ANIMAL; FAÇA VOLUNTARIADO!ESCOLHA...UM PEQUENO GESTO FAZ TODA A DIFERENÇA!

Vancouver Olympic Shame: Learn more. Por favor AJUDE a cessar este massacre infame! Please HELP stopping this nounsense slaughter! SIGN

http://www.kintera.org/c.nvI0IgN0JwE/b.2610611/k.CB6C/Save_the_Seals_Take_Action_to_End_the_Seal_Hunt/siteapps/advocacy/ActionItem.aspx

http://getactive.peta.org/campaign/seal_hunt_09?c=posecaal09&source=poshecal09

Ser Enfermeiro...

Saturday, January 9, 2010

Actualidade

Chegou sábado e é dia de jogo. Muita expectativa para ver João Pereira e, principalmente, Sinama Pongolle.

Contudo o dia foi manchado pelo bárbaro ataque à comitiva do Togo na CAN quando já se encontravam em Angola, mais precisamente em Cabinda. A comitiva foi atacada pela FLEC (Frente de Libertação do Estado de Cabinda), confirmando-se duas mortes: a do treinador-adjunto e responsável pela comunicação Togolês. Entre os feridos realça-se um dos guarda-redes, em estado grave.

Desconhece-se se o intuito das FLEC era atacar a própria camioneta da selecção ou a comitiva policial, o certo é que as consequências do tiroteio entre as duas forças armadas foi bastante grave e já ameçará para sempre a organização da prova Angolana.

Ressalva-se que a FLEC pretende a independência de Cabinda, que foi "anexada" ao territótio Angolano aquando da descolonização apertada. Historicamente e culturalmente tem legitimidade a ser independente, mas face ao petróleo que abunda na região o estado Angolano naturalmente nunca o permitiu. Regista-se portanto, uma mea-culpa Portuguesa no início de um conflito. Aparte disso, vergonhoso e lamentável este acto bárbaro das FLERC, que retiraram para o Congo, local de onde vieram.

1 comment:

Dri Viaro said...

Oi, passei pra conhecer o blog e desejar bom dia
bjss

aguardo sua visita :)